Rádio Central Angico - Ba: Ex-goleiro Bruno costura bola e faz artesanato na prisão

sábado, 5 de abril de 2014

Ex-goleiro Bruno costura bola e faz artesanato na prisão


O ex-goleiro Bruno, preso desde 2010 acusado por participar da morte da mãe de seu filho, Eliza Samúdio, diminuiu um dia de pena a cada três trabalhados na penitenciária de segurança máxima de Contagem, em Belo Horizonte. “Qualquer trabalho eu encaro. Já costurei bola aqui dentro. Também já fiz diversos tipos de artesanato, trabalhei na lavanderia, na fábrica de blocos de concreto. Eu estava capinando. Tudo que puder fazer para redimir minha pena,vou fazer, para abreviar meus dias neste lugar”, disse em entrevista à edição de abril da revista Placar. Condenado a 22 anos e três meses de prisão, o ex-atleta de Flamengo, que chegou a ganhar salário superior a R$ 150 mil, recebe cerca de R$ 500 por mês. Bruno tenta conseguir permissão da Justiça para jogar pelo Montes Claros, da segunda divisão mineira. Também cumprem pena Marcos Aparecido dos Santos, conhecido como Bola, e Luiz Henrique Ferreira Romão, apelidado de Macarrão, condenados a 22 e 15 anos, respectivamente, pela morte de Eliza Samúdio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário