Rádio Central Angico - Ba: Carro que causou acidente que vítimou professora jacuipense Leila era dirigido por uma médica

sábado, 28 de junho de 2014

Carro que causou acidente que vítimou professora jacuipense Leila era dirigido por uma médica


Foi identificada a pessoa que dirigia o VW Polo Hetch que, segundo testemunhas, provocou, ao fazer uma ultrapassagem proibida, o capotamento do GM Celta em que viajava a professora Leila Oliveira da Silva no ultimo dia 21, primeiro dia de festas juninas em Riachão, Leila morreu na hora.
Trata-se da médica Joana Lopes dos Santos, 34 anos, residente na cidade de Valente-BA, que fica a 53 km de Riachão do Jacuípe, segundo informações a médica seguia para um plantão em um Hospital de Feira de Santana, um motorista que preferiu não se identificar, que mora em Gavião e seguia viagem para Salvador, informou a nossa reportagem que o Polo seguia em alta velocidade, e ultrapassou o mesmo quando ele passava por Vila Aparecida:
"Estava correndo muito, inclusive pulo o quebra molas da saída de 74 para Riachão, parecia que estava com muita pressa, me admirou saber que era uma mulher, pois geralmente elas são bem prudentes, com certeza ela estava com muita pressa para estar correndo daquele jeito", disse ele.



Informações de uma fonte em Valente, dão conta de que a médica estaria atrasada para o plantão, o que não foi conformado, ela esteve na DP de Riachão mas devido as dores que estava sentindo pelo impacto da batida, foi marcada para prestar depoimento na próxima semana, e retornou para Valente, onde segundo a fonte ela se recupera dos ferimentos em local não informado.
Aniversários de morte e vida marcaram esta tragédia, segundo informações de pessoas próximas, Leila teria feito aniversário dois dias antes da tragédia, seu pai, Edvaldo da Sucam, que morou muitos anos em Riachão, fazia aniversário no mesmo dia da filha, os dois morreram na mesma data e da mesma forma, dois anos antes, o senhor Edvaldo da Sucam, morreu em um acidente na BR-101 próximo a Gandú, no sul da Bahia, exatamente no dia 21 de junho de 2012.

A médica que dirigia o Polo nasceu no dia 23 de junho, ou seja, fez aniversário dois dias depois da tragédia, tristes coincidências que causou comoção em todos que souberam destas datas. O depoimento da mesma está marcado para a próxima semana, com horário e dia, ainda a ser marcados, para que ela esclareça o que realmente aconteceu naquele dia fatídico, e enigmático.
Leila foi sepultada em Capela do Alto Alegre, onde também seu pai foi enterrado, e onde vivem muitos parentes e amigos da mesma, ela viveu por muito tempo também em Jacobina-BA, muitos amigos da cidade e região prestaram homenagem a Leila nas redes sociais e estiveram presentes também em seu sepultamento, informações ainda dão conta de que Leila havia passado recentemente, em ótima colocação, num concurso da Caixa Econômica Federal.


Blog Hora da Verdade

Nenhum comentário:

Postar um comentário