Rádio Central Angico - Ba: Com ajuda de amigas, mulher inventa sequestro ao marido para passar a noite com amante

domingo, 17 de agosto de 2014

Com ajuda de amigas, mulher inventa sequestro ao marido para passar a noite com amante



Uma mulher de 31 anos disse ao marido que havia sido sequestrada após passar uma noite “desaparecida” em Divinópolis, no centro-oeste de Minas Gerais. A "vítima", na verdade, estava com o amante. Ela contou com ajuda das amigas para inventar o crime.

De acordo com a Polícia Militar, Priscila Michalshy de Paulo Mascarenhas, que é casada com um gerente de banco, foi encontrada na BR-494 na manhã dessa quinta-feira (14) e deu sua versão para o que tinha acontecido. Ela disse que foi abordada por um homem armado ao sair de um bar, onde estava com as colegas, e obrigada a ficar no carro enquanto ele dirigia.

No centro da cidade, os dois desceram do Fox e entraram em outro veículo, onde estava outro suspeito. Eles roubaram joias, dinheiro e o celular da mulher, que foi obrigada a ingerir bebida alcoólica, e a abandonaram próximo a um posto de combustíveis na rodovia, já de manhã, quando ela finalmente conseguiu ligar para o companheiro.

“Dedurada” pelas amigas

A versão das duas amigas da suposta vítima, porém, é um pouco diferente. Elas contaram para a PM que realmente estavam no bar e que a mulher do gerente foi embora por volta de meia-noite. Às 3h, o marido dela ligou para as duas, perguntando do sumiço da companheira.

As colegas viram o Fox da amiga parado na avenida Getúlio Vargas, em frente à casa do amante, e decidiram tirar a placa do carro, já que sabiam que a polícia estava em busca do veículo. No início da manhã, conseguiram falar com a mulher e planejaram o “crime”.

Foram as duas que levaram a amiga até o posto de combustíveis onde ela tinha sido “abandonada”. Todas foram levadas para a Delegacia de Polícia, para prestar esclarecimento, menos a mulher do gerente, que estava sob efeito de remédios. Elas podem responder por falsa comunicação de crime.

R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário