Rádio Central Angico - Ba: Grávida de gêmeos do município de Ruy Barbosa sofre acidente dentro de ambulância

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Grávida de gêmeos do município de Ruy Barbosa sofre acidente dentro de ambulância

Uma mulher, que estava grávida de gêmeos, passou maus momentos após dar a luz a um dos bebês, na madrugada deste domingo (10), na Santa Casa de Misericórdia da cidade de Ruy Barbosa, à 210 km de Feira de Santana.

O segundo bebê ficou atravessado na barriga com uma das mãos para fora e  Iraildes Oliveira Damasceno, 30 anos, precisou ser transferida para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), onde chegou por volta das 5h30 e teve que esperar várias horas para ser atendida.  Como se não bastasse a dor que sentia, esperou várias horas por atendimento e ainda sofreu um acidente dentro da ambulância. Quando finalmente conseguiu atendimento, recebeu a notícia que o segundo bebê morreu. O acidente não causou ferimentos a paciente.

De acordo com uma técnica de  enfermagem que acompanhava Iraildes, logo quando chegaram ao HGCA receberam a informação de que não tinha médico obstetra e ela ficou aguardando uma solução dentro da ambulância de Ruy Barbosa, de placa NTO-0958.
Momentos depois o condutor do veículo, Salvador Barbosa Oliveira Filho, recebeu uma ligação do chefe de transportes do município, informando que o médico de Ruy Barbosa conseguiu transferência para o Hospital José Maria, em Salvador.  Falando ao telefone e apressado em sair do local  para que a mulher recebesse atendimento, o motorista perdeu o controle da direção e subiu no canteiro do estacionamento do HGCA, colidindo em uma árvore e no veículo Fox, que pertence a enfermeira do Clériston Andrade, Laydiane Almeida dos santos.

Após o acidente, o motorista voltou a conversar com um médico do HGCA, que estava tentando transferir Iraildes para o Hospital da Mulher e resolveu aguardar o atendimento em Feira de Santana mesmo. A mulher continuava na ambulância sentido muitas dores, e só foi levada para dentro do hospital com a chegada da reportagem do Acorda Cidade.
Iraildes foi atendida por volta das 7h30, mas o segundo bebê nasceu morto. A mãe passa bem, assim como o outro bebê, que está na Santa Casa, em Ruy Barbosa. A técnica de enfermagem Ivanide Machado, que acompanhava a paciente, disse ao Acorda Cidade que o bebê não teria morrido se a mulher fosse atendida logo quando chegou ao hospital.

Fotos e informações do repórter Ed Santos do programa Acorda Cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário