Rádio Central Angico - Ba: Em Recife homem mata filho de 4 anos e depois invade igreja evangélica para matar esposa

terça-feira, 28 de maio de 2013

Em Recife homem mata filho de 4 anos e depois invade igreja evangélica para matar esposa



Moradores da comunidade Beira do Rio, em Setúbal, Zona Sul do Recife, viveram momentos de pânico na noite deste sábado (25). Isso porque um homem em fúria, identificado como Tiago José Pereira, de 27 anos, assassinou a facadas o próprio filho Danilo José Henrique dos Anjos, de quatro anos e após cometer o crime, invadiu uma igreja e esfaqueou uma mulher que participava do culto. Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima foi encaminhada em estado grave à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira. Outras três pessoas também foram socorridas, mas passam bem.


De acordo com a polícia, o suspeito tentou fugir, mas foi detido pelos populares. Tiago foi amarrado e linchado e só não morreu porque os agentes chegaram a tempo de intervir. Ele ficou ferido e foi encaminhado ao Hospital da Restauração, onde está internado sob custódia. Segundo a irmã do suspeito, Karla Daniele Pereira, o rapaz lutava contra o vício do crack e tentava se recuperar emocionalmente do término do relacionamento com a mãe do garoto. Segundo ela seu irmão era uma pessoa pacata, mas depois que conheceu o mundo das drogas passou a ser um homem “doente da alma”.

"Ele vinha tentando se livrar das drogas e estava frequentando há três meses a igreja onde aconteceu a tragédia. A vida dele ficou desse jeito porque não conseguiu superar o término do relacionamento com a mãe de 'Danilinho e acabou se envolvendo com as drogas. Por conta disso, ele também começou a rejeitar o menino e acabou sendo proíbido de visitar o filho", disse.

“Hoje meu irmão acordou querendo ver o garoto. Fiquei com pena dele , fui na casa da mãe de Danilo e consegui convencê-la a deixar o menino ver o pai. Quando Danilo chegou lá ele ficou muito feliz em ver o pai. Estava tudo normal até quando, por volta das 20h, aconteceu o crime", informa a irmã do suspeito. Ainda de acordo com ela, o crime pode ter sido planejado. "Eu escutei minha mãe gritando, dizendo que ele tinha matado o neto dela. Logo em seguida, meu irmão saiu de casa correndo com um facão e entrou na igreja. Lá, ele disse que ia matar todo mundo", revela Karla.

Policiais militares do 19º Batalhão isolaram a área e os peritos do Instituto de Criminalística (IC) realizaram uma perícia inicial. O corpo de Danilo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), na área Central do Recife.

 FolhaPE

Nenhum comentário:

Postar um comentário