Rádio Central Angico - Ba: Primeira vacina brasileira contra sarampo e rubéola deve ser destinada para países pobres

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Primeira vacina brasileira contra sarampo e rubéola deve ser destinada para países pobres

 

Primeira vacina brasileira contra sarampo e rubéola deve ser destinada para países pobres
Foto: Reprodução

Uma parceria orçada em R$ 1,6 bi entre instituições de pesquisa vai formular a primeira vacina brasileira contra sarampo e rubéola. O anúncio foi dado pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, nesta segunda-feira (28), no Rio de Janeiro. A expectativa é que 30 milhões de doses estejam disponíveis no mercado até 2017 através do trabalho conjunto do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), com a Fundação Bill & Melinda Gates. De acordo com o ministro, cada uma das vacinas será vendida por US$ 0,54 (R$ 1,17), o que corresponde ao menor preço do mercado mundial e deve ser destinada a países em desenvolvimento da África, Ásia e América Latina. Atualmente, a vacina é produzida por um laboratório da Índia. O ministro ainda informou que a parceria é a consolidação da terceira fase do Programa Nacional de Imunizações, que completa 40 anos. Informações do G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário