Rádio Central Angico - Ba: Grupo Schahin se une a outras cinco empresas alvo da Lava Jato e pede recuperação judicial

sábado, 18 de abril de 2015

Grupo Schahin se une a outras cinco empresas alvo da Lava Jato e pede recuperação judicial

Grupo Schahin se une a outras cinco empresas alvo da Lava Jato e pede recuperação judicial
Foto: Reprodução / Portal Marítimo
O grupo Schahin protocolou nesta sexta-feira (17) pedido de recuperação judicial, de acordo com a Folha. O grupo tem por volta de R$ 12 bilhões em dívidas, mas optou por incluir apenas cerca de R$ 6 bilhões no processo. Esta é a sexta companhia alvo da Operação Lava Jato que recorrer à Justiça para não quebrar. Já solicitaram a proteção judicial as empresas Inepar, Alumini, Jaraguá, Galvão Engenharia e OAS. No total, 28 empresas do conglomerado estão no pedido de recuperação, entre elas a Shahin Óleo e Gás e a Schahin Engenharia. Por meio de nota, o grupo afirmou que decidiu abandonar o setor de engenharia e construção para concentrar suas atividades na área de petróleo e gás. Diante da falta de recursos para arcar com gastos de manutenção, a empresa interrompeu a operação de cinco sondas que alugava para a Petrobras. "O Grupo Schahin lamenta principalmente as demissões envolvidas na reestruturação de seu negócio, mas confia solidamente na recuperação da sua capacidade empresarial no prazo mais breve possível", diz o texto da nota, sem informar quantos funcionários foram demitidos. Na semana passada, a agência Fitch rebaixou a nota da Schahin Óleo e Gás de 'B-' para 'C', indicando que a empresa tem risco alto de inadimplência. A Schahin é acusada na Operação Lava Jato de participar do cartel que superfaturava obras para a Petrobras. Apesar de seus executivos não terem sido presos, a companhia teve seu nome citado nas delações premiadas e faz parte do grupo de 23 empresas que foram excluídas das novas licitações pela Petrobras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário